Tags

, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

il_340x270.660508229_ksux

O SIGNIFICADO DO SIGNO SOLAR PARA ASTROLOGIA ESOTÉRICA
Introdução
Neste artigo a nossa intenção é refletir, de uma perspectiva mais para psicológica, o significado que o signo solar tem para a astrologia esotérica.
Para isso dividiremos a reflexão em cinco partes.
  • 1. O Sol como fonte de Luz em seu próprio sistema.
  • 2. O papel do signo solar em um horóscopo ou consciência humana.
  • 3. O papel que o signo Solar deve ter frente ao signo Ascendente.*
  • 4. Vários exemplos para um estudo comparativo entre signos.
  • 5. Conclusão (“os dois em um”)
  • 1.a A importância do Sol por si mesmo como fonte de Luz
O Sol em “si mesmo” é Luz, uma entidade que, de “si mesma”, emite a energia que gera e regenera seu próprio sistema (solar) ou “corpo”.
Um “corpo” ou sistema solar de geométrico funcionar, atitude que gera um campo de influência de grande beleza, um lugar que, ao calor de sua própria e constante energia lumínica, oferece as condições idôneas para que se estabeleçam e evoluam múltiplos reinos ou formas de vida.
Este seria o aspecto mais físico ou visível do poder solar, mas não há de esquecer que, por trás do aspecto material (personalidade) de toda entidade, neste caso solar, está sempre amalgamada uma parte subjetiva (alma) com propósito (espírito). Uma parte, velada para a vista física, que utiliza a Vitalidade ou inteligência de sua própria matéria, mais ou menos aperfeiçoada ou evoluída, para aumentar (e transmitir) nela e a partir dela mesma e a todas as formas de vida que nela residem o calor de seu Amor e o poder de seu Espírito.
tumblr_myu72eMnN51r9g9ulo1_500
Podemos então dizer que o sol é uma entidade (de grande calibre) que de sua própria autoconsciência (luz) entesoura grandes doses de Vitalidade, Amor e Espírito; e que toda forma de vida que esteja sob as leis deste sistema solar, deverá também, de uma forma ou de outra e em maior ou menor medida, experimentar e expressar as três qualidades básicas que seu logos principal entesoura em si mesmo.
  • 1.b O próprio Sol e os 12 Signos
Como é lógico pensar, toda entidade deve evoluir através do todo maior, e neste sentido o Sol, tal como a Terra ou o ser humano que nela habita, em seu périplo vital também faz seu percorrido através dos 12 signos do zodíaco. 12 energias que lhe oferecem, através de suas qualidades, a oportunidade de poder perceber e adquirir maior experiência e com isso maior autoconsciência ou aperfeiçoamento de suas 3 qualidades básicas acima mencionadas.
Como sabemos, atualmente o Sol transita pelo Signo de Aquário e, portanto, e sem intenção de aprofundar, as características deste signo são, e serão durante 2000 anos mais, a grande oportunidade para que o Sol possa evoluir. Oportunidade que, necessariamente, se verá refletida em todos os reinos e formas de vida que estão sob as leis de referido Sol.
tumblr_lzo0ezJA3m1rpx9bqo1_500
  • 2. O papel do signo solar em um horóscopo ou consciência humana.
Portanto, e partindo do profundo significado da frase “como é em cima é embaixo”, o lugar (signo) que ocupa o sol no horóscopo de um ser humano no dia de seu nascimento sempre será o signo da oportunidade, através do qual este ser humano poderá perceber e experimentar suas 3 energias básicas inatas: vitalidade, amor e poder espiritual.
Graças ao poder de iluminar (Consciência) que oferece a presença do sol em uma carta natal, o signo onde ele se situa (e, em menor medida, seu signo oposto), marcará as tendências principais do dono da carta, as características mais visíveis ou pessoais, sua determinação e temperamento, sua vida presente e problema atual, seus dons herdados, peculiaridades…, em definitivo, o signo solar marcará a natureza das forças e a qualidade das energias com as que a consciência ou alma que reencarna em determinada vida deverá conviver e manipular.
sol-signos-zodiaco
Fundamentalmente, o signo solar mostra a linha de menor resistência, o que já foi adquirido (em outras vidas) e, portanto, o mais fácil de expressar ou atuar na presente.
Neste sentido, todos sabemos que aquilo que nos é dado com facilidade pode ser utilizado de forma excessiva ou egoísta. Isto é, as características do signo solar são susceptíveis de estar propensas a gerar atitudes demasiado ativas ou agressivas, atitudes compensatórias, repetitivas por paixão ou por senso de poder, “cegas” ou excessivamente cômodas, pouco altruístas, “simplistas”, orgulhosas, desconsideradas ou desrespeitosas com o entorno, pouco generosas…, tudo isso dependerá muito muito do tipo de consciência que administra tais características e da maior ou menor necessidade desta consciência de atender às demandas mais espirituais escritas em seu signo ascendente.
cruz-cardinal-daily-astral-astrologc3ada-en-punta-del-este-buenos-aires
É interessante observar que para a astrologia védica ou jyotish (cultura não tão individualista como a ocidental), o sol por si mesmo não é considerado como um planeta “benigno”, mas como uma fonte de problemas por sua egolatria, por sua capacidade de “queimar” ou não ter em consideração com seus companheiros (planetas) mais próximos. O astrólogo oriental não se esquece de que o sol, por si mesmo, é um calor excessivo, capaz de matar a planta.
Em certa medida, nós (da astrologia esotérica ou da alma), reafirmamos esta posição, afirmando que (como diz a astrologia exotérica), o poder solar é o que marca as características principais de um indivíduo; mas que estas evidentes qualidades, tão valorizadas em nossa cultura ocidental por sua capacidade ativa e representadas em um horóscopo através das forças do signo solar, não são suficientes para evoluir corretamente, mas que só são simplesmente, e observem que dizemos só, a base para, com a valiosa inspiração do signo ascendente, experimentar e expressar novas metas ou maiores estados de consciência.
Dizendo de outra forma, para a astrologia da alma, o poder do signo solar deixa de “queimar” quando é olhado (refletido-utilizado) através da lente que implica o significado do signo ascendente.

Beckoning_Baktun_notext_1024x1024

  • 3. O papel que o signo Solar deve ter frente ao signo Ascendente.
Assim como o poder do signo solar nos marca as forças e energias mais pessoais que a consciência ou alma está tentando utilizar ou manipular em determinada vida, o poder do signo ascendente nos marca a força desta alma em si mesma, que está procurando se expressar através destas características mais solares ou pessoais.
Talvez entendamos melhor este último parágrafo se comparamos e analisamos estas duas definições que nos oferece Alice Bailey – DK em seu magnífico livro Astrologia Esotérica.
  • O signo do Sol. – Indica o problema atual do homem; fixa o passo ou ritmo estabelecido de sua vida pessoal; relaciona-se com a qualidade, temperamento e tendências da vida, que procuram se expressar durante esta particular encarnação e sugere o aspecto rajásico ou atividade do homem não nascido. Fundamentalmente, as forças deste signo indicam a linha de menor resistência.
  • O ascendente ou signo nascente. – Indica a vida futura e o propósito imediato da alma para esta encarnação. Mantém o segredo do futuro e apresenta a força que, corretamente empregada, conduzirá o homem ao êxito. Representa o aspecto sáttvico ou harmônico da vida, e pode produzir corretas relações entre a alma e a personalidade em uma dada encarnação, assinalando assim o caminho para reconhecer a força da alma.
É claro que, na raiz das duas definições, espiritualmente falando, o signo ascendente frente ao signo solar ocupa um papel mais proeminente. Um papel que, frente aos poderes mais objetivos do signo solar, se evidencia como um “futuro” mais difícil de alcançar, e por isso mesmo mais subjetivo (menos evidente), prometedor e capaz de aportar harmonia. Um papel capaz de relacionar a Alma com a Personalidade, assinalando assim, (como nos diz o texto), o caminho para reconhecer a força da Alma.
  • 4. Quatro exemplos para o estudo entre o signo solar e o signo ascendente
Antes de finalizar este artigo, vamos estudar de forma comparativa para compreender melhor o que foi dito acima, quatro exemplos de combinações de signos ascendentes versus signos solares.
O estudo pretende ser simples, e sem uma análise excessiva, já que o reconhecimento do papel que determinado signo ascendente possa ter em relação com um signo solar depende muito muito do tipo de consciência e intuição que deve administrar referida combinação
O nível de consciência
Há que pensar que para que uma consciência ou alma tenha a necessidade de atender às forças marcadas por seu signo ascendente deve ser acima de tudo uma consciência com certo grau de evolução. Evidentemente, uma consciência com suas próprias tendências pessoais, mas também com fortes tendências espirituais, tendências estas últimas que, através do tempo e da experiência, devem se impor ou não se harmonizar com as primeiras.
As tendências ou características de uma consciência espiritual
Psicologicamente falando, estas tendências espirituais se reconhecem na capacidade da consciência de praticar a aceitação (tolerar a frustração), de praticar o altruísmo (serviço), de praticar a meditação (reflexão não condicionada), e de praticar a constante e sempre tão necessária inofensividade (mental, emocional e de palavra) para si mesmo, o irmão ou seu entorno.
Os 4 exemplos
Este pequeno estudo analisa os exemplos de 3 vertentes, a dos signos, a de seus respectivos regentes exotérico e esotéricos e a dos raios envolvidos, mas se observarmos, os três tipos de análise se assemelham muito entre si, dando a entender uma possibilidade de síntese (intuição) maior.
Os exemplos são expostos das duas possibilidades comparativas:
. . .
Ascendente Escorpião – Sol Leão
Aqui as forças solares ou pessoais são realmente muito carismáticas, orgulhosas e individualistas, já que este ascendente coloca o Sol em Leão em casa X, mas a magnética força escorpiana da Alma demanda um plus de maior realidade e compromisso. A implicação com a vida deve ser mais empática, intensa, lutadora, e emotiva. Não só vale estar motivado para “brilhar” (Ser), como também para morrer, morrer dos aspectos mais personalistas, morrer para assim renascer muito mais próximo e envolvido com a necessidade da alma que por sintonia também é a necessidade do irmão ou entorno.
Regentes
A capacidade de se envolver até o mais fundo de Marte deve dominar sobre o excesso da brilhante individualidade que este sol em Leão casa X tanto possui.
Raios envolvidos
Em Escorpião, o poder intuitivo e gerador de beleza do IV raio de Harmonia no Conflito motivado pelo ideal sensível que entesoura o VI raio de Devoção, neste exemplo, deve se impor sobre o poder mais excessivo (destrutivo) do 1Raio de Vontade e Poder que neste caso atrai Leão.
. . .
Ascendente Leão – Sol Escorpião
Neste exemplo, a forças solares do Escorpião podem demonstrar grande capacidade de gerar apego, dependência ou desenganos através do desejo e/ou falsa ilusão. Este ascendente situa a característica intensidade do sol em Escorpião em casa 4, a casa das emoções mais básicas ou da infância, situação que pode ser “emotivamente cegante” em sumo grau, mas a consciência de uma Alma influenciada pela força de Leão tem como característica principal o poder de adquirir autoconsciência, por muito difícil ou ofuscada que seja a situação. Neste caso, o Leão, a partir da sua própria luz, desenreda e, portanto, se libera dos “enganches” psíquicos tão característicos do Escorpião. O fogo mental consciente, demanda aqui maior capacidade de ser si mesmo, dando assim uma nova clareza e utilidade às poderosas sensibilidades e emoções (Escorpião signo de água em casa 4) que o relacionam com seu entorno.
Regentes
Neste caso, a qualidade de adquirir autoconsciência leonina, através do sol como regente esotérico do ascendente velando* Netuno, deve iluminar (dirigir) o excesso (todo excesso é egoísmo) passional ou emotivo de Marte, o regente exotérico de Escorpião.
jslattum
Raios
O poder ou vontade do 1Raio, junto com a sabedoria amorosa do 2Raio, que aporta o signo de Leão da consciência da Alma, devem aqui dirigir ou dar um novo sentido às forças mais pessoais de Escorpião que atraem a um 4Raio excessivamente passional, caprichoso e dependente das fortes emoções do 6Raio também presente.
. . .
Ascendente Gêmeos – Sol Libra
Nesta combinação, a linha de menor resistência é libriana, o Sol neste signo não brilha especialmente, mas é muito inteligente, educado, com senso de humor e o equilíbrio, harmônico e sensível à beleza, mas também, e de seu aspecto mais personalista, pode ser frio, distante, hipócrita, centrado apenas nas formas externas, excessivamente mental, pouco decidido ou empático e, por estar neste caso em casa V, também excessivamente individualista. Gêmeos, desde o Ascendente ou força da Alma, promete ar novo, uma fluidez muita maior nas inter-relações (internas e externas). A consciência aqui deve reconhecer as dinâmicas vitais que possam arrastar Libra a descobrir atitudes muito mas próximas, espontâneas e simples. Gêmeos neste caso pode oferecer um novo equilíbrio, mais dinâmico e amoroso. Uma atitude que demonstra que é graças ao Amor (flexibilidade) e não ao poder da mente que a consciência pode interatuar em si mesma a dualidade, mostrando com isso serviço ativo, criatividade, compreensão ou mente amorosa.
Regentes e Raios
Neste exemplo, Vênus, (V raio de Luz ou Ciência Concreta), como regente esotérico de Gêmeos, é um Vênus tocado pelo Amor-Sabedoria do II raio que atrai o mesmo signo. Uma consciência pessoal libriana pode ser excessivamente distante ou interessada, já que à capacidade de análise (neste caso separatista) do V raio que aporta seu Vênus como regente exotérico, há que agregar a frieza de uma ordem excessivamente dependente das formas externas ou o estético que aporta o VII Raio através de uma Libra egoísta. Há um excesso de raios ímpares (mentais), daí a benignidade (coração) ou oportunidade do II raio que oferece Gêmeos. O controle que exerce a mente é quebrado pelo poder do Amor.
. . .
Ascendente Libra – Sol Gêmeos
Um Sol em Gêmeos, de uma atitude pessoal egoísta, oferece um excesso de interações internas e externas, interações duais superficiais, gratuitas, mal integradas ou simplesmente não integradas e, portanto, geradoras de desequilíbrio, de sem sentido, banalidade ou infantilismo. Neste caso, o sol em casa 9, do aspecto egoísta, dá demasiadas e pomposas viagens. Assim, a consciência deve reconhecer a força da Alma no equilíbrio divino que oferece Libra. A calma mental como passo prévio para intuir como utilizar a simpática vitalidade amorosa geminiana de forma mais dirigida, responsável e eficiente. A eficiência, especialmente neste caso, se expressará com grande beleza.
Regentes
Se a consciência sabe reconhecer o poder mental organizador de Urano, regente esotérico de Libra, poderá, nela mesma primeiro e depois em seu entorno, organizar um novo espaço. Um novo ritmo vital onde Mercúrio como regente exotérico de Gêmeos poderá seguir sendo “simpaticamente” interativo, mas desta vez expressando o propósito o Alma.
Raios
Neste último exemplo, o II Raio de Amor e Conhecimento junto ao IV de Beleza através do Conflito, atraídos por Gêmeos e Mercúrio respectivamente, necessitam muito muito, devido a um excesso de vitalidade caprichosa, do duplo poder organizador que o VII raio de Magia e Cerimonial aportam de Libra e Urano, seu regente esotérico. Se a consciência deste exemplo consegue integrar, em seu dia a dia, a ordem e a disciplina característicos do VII Raio, a expressão de suas qualidades amorosas (II Raio) e criativas (IV Raio) mais pessoais terão, no mundo físico ou social, grande êxito. Aqui especialmente a utilidade espiritual (eficiência) é sinônimo de expressão mágica ou beleza.
579140_498081186877198_742044404_n
  • 5. Conclusão (“os dois em um”)
É nosso desejo dar a entender que as forças do signo solar em si mesmas não são “más”, são as energias, objetivamente falando, mais presentes e próximas e, portanto, são as energias que a consciência pode utilizar mais facilmente para seu próprio beneficio ou amor próprio.
Quando referida consciência por necessidade evolutiva, e através do significado de seu signo ascendente, for paulatinamente integrando a força de sua Alma, então poderá começar a utilizar suas forças solares para o beneficio comum ou amor abrangente.
O reajuste na consciência das nossas atitudes e dons mais pessoais, astrologicamente refletidos no signo solar, sempre nos vêm dado pela aceitação e responsabilidade (dharma) que gera o reconhecimento de um “todo maior”. A compreensão de um significado maior que astrologicamente falando está refletido em o signo ascendente.
* Para maior compreensão do significado que o signo Ascendente tem para a astrologia esotérica, consulte o artigo anterior a este.

5th-dimensional-creation

 

* Desde a astrologia esotérica e dependendo do nível evolutivo da consciência dona do horóscopo, o Sol de uma casa natal pode estar velando as energias e significados de Netuno ou de Urano, que seja um planeta ou outro o velado pelo sol dependerá da necessidade evolutiva de referida consciência. Isto é um tema em que nos aprofundaremos em um artigo posterior, aqui basta dizer que em um horóscopo Netuno, através do sol, sintetiza o aspecto amor e Urano o aspecto espírito, e que o sol em seu aspecto mais físico (através das tendências marcadas por Saturno) sintetiza a vitalidade.

 

budismo-zen-3-638
Muito Obrigado a Você Por Ter Visitado o Meu Blog
Namastê , Paz , Amor Universal e Equilíbrio.

E Lembre-se do Caminho do Meio ( Buda )

https://radionovaerabrasilia.wordpress.com/

Anúncios